MUSEU DE PORTIMÃO

1-museum-outside-view-west-side1
The Municipal Museum of Portimão is housed in a former sardine canning factory. Portimao, a commercially vibrant town with over 35,000 inhabitants, was one of the most important canning and fishing centres in the Algarve until the early 1980s when the factories closed during the recession. It was also the main shopping area for the whole of the Algarve in the 70s and 80s. The Municipal Museum has regular historical, cultural and art exhibitions, as well as general culture displays of both local and national content.

•  •  •  •  •  •  •  •  •  •  •  •

As origens do Museu de Portimão (MP) reportam-se a 1983, quando a Câmara Municipal de Portimão, aprova um projecto museológico visando a investigação, recolha, documentação e divulgação do património local, com especial destaque para o arqueológico, industrial, náutico e subaquático.
Em 1996, o edifício da antiga Fábrica de Conservas “Feu Hermanos”, foi adquirido pelo Município de Portimão, tendo em vista a sua adaptação ao futuro Museu .
Três anos mais tarde (1999), é elaborado o Programa Museológico, e lançado o concurso para o Projecto de Arquitectura, a que se seguiu o processo de construção e reabilitação do edifício, o apetrechamento, técnico e museográfico das novas instalações, cuja inauguração e abertura ao público, ocorreu a 17 de Maio de 2008.
Estruturado como Museu de Sociedade, de Identidade e de Território, integrado na Rede Portuguesa de Museu s, pretende reforçar a divulgação e valorização do património, interpretar a evolução histórica, territorial e social da comunidade e um parceiro nas estratégias de desenvolvimento local.
A primeira exposição de longa duração “PORTIMÃO – TERRITÓRIO E IDENTIDADE”, está estruturada em 3 percursos:
1-Origem e destino de uma comunidade
2-A vida industrial e o desafio do mar
3- Do fundo das águas
O espólio do Museu é constituído por património industrial e etnográfico, designadamente o de indústria conserveira, construção naval, pesca, estiva, litografia, fundição, latoaria, fumeiros, transportes, entre outros. Quanto aos testemunhos arqueológicos do Município, este agrega materiais provenientes de várias estações arqueológicas terrestres e subaquáticas.

(Património Móvel e Imóvel – Séculos XIX a XX):
Indústria Conserveira; Construção Naval; Pesca; Estiva; Litografia; Fundição; Latoaria; Fumeiros; Doçaria, comércio tradicional/ mercearia; Transportes; Fábrica Feu; Guindaste; Turismo. Arqueologia

Endereço
Rua D. Carlos I (Antiga Fábrica de Conservas “Feu”) Zona Ribeirinha
8500 – 607 Portimão

N 37° 7′ 50.80″ W 8°32′ 4.37″
T. 282 405 230 /265 /268

Fax
282 405 235

E-Mail
museu@cm-portimao.pt

Site
www.cm-portimao.pt